Saiba tudo sobre como as rolhas influenciam no vinho?

O empresário Marco Antonio Carbonari é um especialista em vinhos e proprietário de uma vinícola renomada, a Villa Santa Maria, localizada no Vale do Bau, interior do estado de São Paulo. Ele atua nesse ramo há anos, sendo assim, possui propriedade para falar sobre esse tema: como as rolhas influenciam no vinho.

Os vinhos são, sem sombra de dúvidas, ótimos acompanhamentos para diversos eventos e reuniões, são capazes de transformar simples reuniões em verdadeiras degustações. Além disso, desde o cultivo, à confecção da bebida, embalagem e armazenamento, culminam no sabor final do vinho, dessa forma, a lacração da garrafa também influencia no resultado final.

Há diversos tipos de rolhas para lacração do vinho, elas são importantíssimas na hora do armazenamento e posterior manutenção do vinho, fala Marco Antonio Carbonari. Portanto, devem ser bem colocadas para que não ocorra a oxidação do vinho e a consequente perda do vinho. As mais conhecidas são as rolhas de cortiça maciça, as rolhas de aglomerado de cortiça, a rolha sintética, a rolha de espumante, a rolha de fortificado e a tampa de rosca.

A rolha de cortiça maciça é uma das mais conhecidas e tradicionais, afirma o empresário Marco Antonio Carbonari. Ela é produzida a partir da casca de carvalho e quanto maior sua porosidade, menor é considerada sua qualidade. Já a rolha de aglomerado de cortiça consiste na união dos restos da cortiça maciça.

O especialista em vinhos, Marco Antonio Carbonari, explica que a rolha sintética é oriunda de um material plástico, esse tipo de rolha está sendo cada vez mais utilizado no mercado por ser uma via com ótimo custo-benefício. Em contrapartida, há a rolha de espumante, produzida através da rolha de cortiça, ela possui um formato diferente, próprio para os espumantes.

Os outros dois tipos de rolhas: rolha de fortificado e tampa de rosca são muito utilizadas na indústria. A primeira é formada por rolha de cortiça, na parte de dentro da garrafa, e de plástico por fora do gargalo, possuindo enorme facilidade para abrir a garrafa. Já a tampa de rosca é um assunto muito debatido entre os especialistas e apreciadores de vinhos. Possui um custo barato, é feita de metal e, dessa forma, dispensa o saca-rolhas.

Ultimas Notícias

spot_img

Veja

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here