Cashback: o que é e como funciona?

Julio Cesar Hintemann Filho

Você já ouviu falar em cashback? O termo que surgiu nos Estados Unidos, em 1980, significa literalmente dinheiro de volta. O empresário Julio Cesar Hintemann Filho esclarece que, naquela época, algumas operadoras de cartão de crédito devolviam, em dinheiro vivo, parte do valor gasto na compra. Entretanto, somente em 2010, a ideia começou a se popularizar em demais países como o Brasil, e hoje o cashback consiste em um plano de recompensas fornecido aos seus clientes por algumas empresas, cartões de crédito, marcas ou lojas.

Julio Cesar Hintemann Filho informa que, apesar de seguir da mesma maneira até os dias atuais, existem programas específicos de cashback que não necessariamente estão vinculados a um cartão. Outra modificação nesse plano está com relação ao dinheiro que se recebe de volta, pois – atualmente – pode-se receber o cashback por meio de compras no débito, e-commerce, pagamento de contas, entre outros.

O montante do valor recebido pelo cliente após efetuar a compra é estabelecido pela própria empresa vinculada ao programa. De acordo com o empresário Julio Cesar Hintemann Filho, essa porcentagem devolvida varia de lugar para lugar, podendo ser de 1% ou mais de 15%, sem percentuais mínimos ou máximos estabelecidos. 

O cashback funciona da seguinte maneira: ao realizar uma compra, o cliente recebe – em uma conta do programa de cashback ou na própria conta bancária – de volta uma parte do valor gasto. Julio Cesar Hintemann Filho explica que, assim, é possível resgatar esse valor para a conta-corrente e usá-lo ou utilizá-lo em compras em outros estabelecimentos, o que depende das regras estabelecidas pelo programa ou empresa que fornece o cashback.

O empresário Julio Cesar Hintemann Filho reforça ainda que é importante não confundir o programa de recompensas com descontos. O cashback somente funciona com pagamento integral do valor da compra que depositará parte do valor combinado na conta do cliente após aprovação da mesma. 

Ele também se difere de programas de acúmulos de pontos. Segundo o empresário Julio Cesar Hintemann Filho, o sistema de cashback trabalha com dinheiro de volta, e não pontos, o que significa que essa quantia, acumulada ao longo das transações, não tem data de validade ou limites. 

Portanto, o cashback é um programa de recompensas com um universo de possibilidades para clientes e consumidores. Julio Cesar Hintemann Filho comenta que, por conta disso, é fundamental entender quais são as regras de cada um, quais produtos e ações estão inclusas, como funciona o pagamento e transferência. Além do mais, antes de se deixar levar pela ideia de dinheiro de volta, é melhor verificar se o mesmo produto não está com desconto ou venda mais em conta do que a do programa.

Ultimas Notícias

spot_img

Veja

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here